Desconectar é preciso…

autor: Elaine de Sousa | 17 de outubro de 2016

Olá!

Embora esteja enquadrada como “Ferramentas e dicas de produção para mídias sociais”, esta coluna também tem entre seus objetivos ser um ponto de interseção entre o digital e o analógico. Dificilmente vou trazer aqui iscas como “13 dicas infalíveis para lacrar na performance nas mídias sociais”. Isso porque minha proposta é outra. A ideia é propor reflexões sobre o que produzimos como profissionais de comunicação e como produzimos – em que condições profissionais, com quais preocupações e condutas, inspirados em quê…

E hoje a dica é simples: se você é produtor de conteúdo para as mídias sociais, aprenda a aumentar sua performance  desligando os botões e reconectando-se com o seu eu interior. Desconecte-se!

No mundo digital como no analógico precisamos de um mínimo de distância do foco de trabalho para visualizar melhor o cenário. Ao nos desconectarmos ganhamos fôlego e ideias novas, desde que estejamos dispostos a perceber o slow motion da vida no tête-à-tête. Calma. Não estou sugerindo que você deixe seus clientes na mão e saia para um sabático sem smartphone, carente de apps. Desconectar pode ser apenas ficar total off na hora do almoço, por exemplo. Ou desligar os aparelhos eletrônicos por umas três ou quatro horas após o expediente. Ficar aí umas duas, pelo menos, do tempo que passa acordado sem nenhuma conexão com a vida internética. Consegue? Já faz? Vai tentar?
A ideia é buscar nas ruas, no frescor de uma conversa de bar (sem escapadelas para conferir as postagens), nos detalhes da vida, inspiração para ser cada vez mais criativo nesse mercado que exige dinamismo, bom humor (já leu a matéria da galera do Jornal Jr. sobre respostas de algumas marcas a seus clientes?
Tenho outras sugestões:

  1. Levar seu computador pessoal pelo menos uma vez por semana para um local aberto, arborizado e trabalhar ao ar livre. (Mudar o ambiente já tira o olhar fixo do que se está fazendo e favorece uma visão mais sistêmica).
  2. Passar um dia off visitando um cliente. Você pode, por exemplo, tirar um dia para fazer fotos da rotina do cliente e identificar imagens que rendam as tais postagens orgânicas que tanto procuramos. (A dica vale mesmo para quem tem um fotógrafo na equipe. Por que você não pode sair e lançar um olhar diferente para se inspirar?).
  3. Vá ao Blogando Bauru, esqueça o celular e olhe muito para os lados, para todas as direções. Abra olhos e ouvidos da alma para apreender o que as pessoas estão fazendo por aí.

O Chico Buarque disse há um bom tempo, numa entrevista para a Revista Ocas, que seu processo criativo como escritor exige uma rotina de sair pelas ruas vendo as pessoas e observando a vida. Não é sensacional? A Internet é maravilhosa. Mas vejo muitos amigos presos em bolhas. Criando em torno de um círculo vicioso. E isso transforma até mesmo as pessoas mais brilhantes em gênios mornos. A vida pulsa é nas ruas. E de lá, ganha impulso e interesse nas telas. Precisamos, sempre, percorrer os dois caminhos.
Até a próxima!

The following two tabs change content below.
Elaine de Sousa

Elaine de Sousa

Apaixonada por café, Literatura, Internet e animais, Elaine de Sousa é jornalista, pós-graduada em Linguagem, Cultura e Mídia pela Unesp e trabalha com Assessoria de Comunicação e Imprensa. É fundadora da Casa Midiática, por onde oferece consultoria em mídias sociais e ministra cursos e oficinas de Media Training, Assessoria de Imprensa e Redação e estilo.

Comentários

Posts Relacionados

  • Marketing digital para empresas: investimento ou gasto? Acesse esses e outros conteúdos em medium.com/blogando

    Veja Mais

    A incorporação da internet alterou, definitivamente, as práticas comerciais e os hábitos dos consumidores.
    Não é possível mais pensar no ciclo de compras do consumidor sem que este passe pelos conteúdos online. O novo consumidor com que as empresas estão lidando assiste a menos televisão, ouve menos rádio e opta por conseguir informações online.
    Um

  • Influenciadores Digitais em cidades do interior, como trabalhar? Acesse esses e outros artigos no medium.com/blogando

    Veja Mais

    Vivemos uma época da comunicação onde os influenciadores digitais ganham muito destaque, as grandes empresas investem cada vez mais nessas pessoa que conseguem engajar milhares de pessoas em torno de um objetivo, eles realmente influenciam as pessoas, seja para o bem ou para o mau.
    Vemos grandes empresas trabalharem com influenciadores, é o caso da Coca

  • Última palestra do Blogando Bauru 2017 traz Bruno Hoera com o tema Criatividade Publicitário encerrou evento com a ideia de que “falta de dinheiro não impede um projeto ou uma grande ideia de acontecer”

    Veja Mais

    Bruno Hoera é publicitário formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e especialista em Comunicação em Mídias Sociais pela FAAP. Ele contou em sua palestra “como menos é mais”, compartilhando as suas experiências para exercitar o brainstorm de ideias e a criatividade.
    “Tudo que você passa na sua vida vai servir de insight para você”, assim Bruno

<!-- End Google Tag Manager --